I want to be the girl with the most cake

Traduzindo o título: Eu quero ser a garota com o maior pedaço do bolo

Hoje é um dia mais do que especial, significa que mais um ciclo começa e daqui a um ano, é sinal que um outro está acabando. Um ano todo pra me despedir dele. Deve ser por isso que, apesar de todo carinho que eu sei que vou receber no meu aniversário, apesar de toda a festa e de me sentir grata por tudo que passou, me sinto triste. Com um gosto de despedida… E de medo também.

A casa dos 20 teve um quê de beleza e de emoção que talvez eu nunca mais volte a viver. É que foi um desfile de primeiras vezes. Antes, até tive alguns ensaios. Mas as coisas começaram a acontecer de verdade bem aí, neste cliclo que está se encerrando. Um amor de verdade, amiades de verdade, filhos de verdade, família de verdade, reconhecimento de verdade, cabelo liso de verdade (oi??!!??)

Com dezenove, eu jamais poderia imaginar que aos vinte e quatro eu teria feito tudo que fiz. Isso porque o tempo passa e muda quase tudo. Sempre há os cinquenta por cento que não depende de nós. E, graças a Deus, sempre há mudança. Talvez aos trinta eu olhe pra trás e pense que não fiz nada do que pensei fazer. Mas, se for bom como é agora, estarei com esse sentimento de vida bem vivida. E pronta pra crescer ainda mais.

Feliz aniversário para a pessoa que eu mais amo nesse mundo. 🙂