Sobre

Quem sou eu?!?

Aparentemente falando – mulher, na casa dos 20 anos, morena do cabelo castanho com seus muitos brancos, olhos castanhos, gorducha e estabanada. Me visto de maneira comportada, exceto pelo decote. Adoro sapatps. Atendo desde o dia 29 de janeiro de 1986 pelo nome de Samira Ramalho de Souza. No dia 06 dezembro de 2008 passei a me chamar Samira Ramalho de Souza Tavares, Ramalho da mãe, Souza do pai, Tavares de marido e Samira por mim mesma.

Geograficamente falando – brasileira, carioca desde sempre, caseira, embora me sinta muito bem ao dar minhas voltinhas por aí. Você me encontra no trabalho, no fogão da cozinha, no sofá da sala, na minha cama e perto de onde estiverem as pessoas que eu gosto.

Pessoalmente falando – sorridente, embora pensativa; tranquila, embora engajada; sonhadora, embora consciente; faladeira, embora cuidadosa; intuitiva, embora incrédula; confiante, embora abatível; teimosa, embora gente boa. Tenho muita dificuldade em segurar meus impulsos. E mais dificuldade ainda em me obrigar a fazer o que não quero. Não guardo mágoas, mas sou boa em riscar pessoas do meu caderninho quando é necessário. Costumo me arrepender… Mas só do que deixei de fazer.

Afetivamente falando – casada com Felipe Tavares, com um bom e profundo amor no currículo. Mãe de um filho canino – Dexter, mas com sobrinhos mais que lindos. Pai guerreiro, mãe viva (e muito viva!) e exemplar; um irmão mais novo solteiro e uma irmã mais velha casada; primos, tios e tias presentes e queridos… E muitos, muitos bons amigos. Conhecer pessoas, descobrir seus mistérios e estar rodeada dos meus amigos são meus esportes favoritos.

Cotidianamente falando – trabalho de 08 a 10 horas por dia, ajudo a cuidar da casa, adoro cozinhar, pintar, dançar, sorrir, bater ^^. Vivo correndo de um lado pro outro, mas com o tempo aprendi a salvar o meu tempo de descanso. Não faço academia nem nada que canse muito, não gosto de trânsito caótico, nem de ir ao médico, muito menos de tomar remédio, nem de gente intrometida, nem de chuva fininha, nem de calor insuportável, nem de confusão, nem de grosseria, nem de dias indefinidos, nem de dias longos no trabalho. Gosto de comer pizza, de chocolate, de tomar sorvete, de chocolate, de internet, de chocolate, de seriados enlatados americanos, de chocolate, de flores, de chocolate, do Chaves, de chocolate, de ler, de chocolate, de ouvir música, de chocolate, de bater papo em todo lugar que vou, de chocolate, de novela, de chocolate, de abraço e beijo, de chocolate, de carinho, de chocolate, de atenção, de chocolate, de conseguir o que busco, de chocolate, de buscar o que acho que não vou conseguir, de olhar a lua de noite, de ficar sem ter o que fazer.

Historicamente falando – já fui pequena, hoje sou grande. Já fui ingênua, hoje prefiro ser inocente. Já fui medrosa, hoje prefiro ser esperançosa. Já fui implicante, hoje prefiro ser ponderada. Já fui radical, hoje prefiro ser tranquila. Já falei demais, hoje prefiro ouvir. Já corri muito, hoje vou mais devagar. Já fiz muita questão, hoje deixo pra lá. Já tentei agradar muito, hoje prefiro me mostrar. Já fui muito dura comigo mesma, hoje me pego muito no colo. Já sofri muito, hoje quero que o sofrimento passe logo. Já fui boba, hoje prefiro ser boazinha. Já fui mais alegre, hoje prefiro ser misteriosa. Já fui definitiva… Hoje prefiro ser mutante.

Profissionalmente falando – sou analista de sistemas apaixonada pela profissão. Trabalho em uma empresa pequena no centro do Rio de Janeiro, lido com poucos, porém preciosos clientes. Também já dei aula para crianças de 4 a 13 anos. Sou dona de um Sex Shop e futuramente pretendo torna-lo minha única renda.

Filosoficamente falando – católica, vascaína; romântica; a beleza cansa; a verdade liberta, mas é dolorida; as pessoas são estranhas; o amor de verdade nunca é amigo da paz; a amizade é um presente que precisamos saber tirar do embrulho; crianças são mais sábias que qualquer adulto; primeiro fazemos nossas escolhas, depois elas nos fazem; nosso ponto forte é o pai de nosso ponto fraco; a arte aproxima as pessoas; alegria chama alegria; sincronicidade existe; a fé sustenta; a vida dói; a morte é sábia; o tempo é implacável e misericordioso; a maioria das coisas com as quais nos preocupamos se resolvem sozinhas em menos de um mês; todo mundo sempre faz o melhor que pode; as pessoas felizes não incomodam ninguém; o cotidiano é simples, mas complexo.

Curiosamente falando – não tenho 2 dentes na boca, resultado de uma ida ao parque; tenho duas pintinhas charmosas no rosto; gosto de ovo frito com gema muito mole, sei fazer crochê; já passei tinta no cabelo; falo dormindo como se estivesse acordada; sou louca por livros; tenho que usar óculos, mas não uso; tomo café; tenho orelha furada; não mato baratas; amo mastigar gelo; não gosto de água gelada; vermelho e lilás são minhas cores prediletas, amo laranja, tenho alergia a abacaxi e a maçã, amo fazer a feira de domingo.

Vida de Casada é o meu espaço na internet desde Janeiro de 2009. Aqui estão meus desabafos, comidinhas, experiências, impressões e momentos divididos com muita gente legal, que sempre vem me visitar. Puxe uma cadeira, pegue seu prato e sirva-se à vontade.

Anúncios

One Comment on “Sobre”

  1. Dany Soares disse:

    Sami, adorei sua descrição, rsrsrs. Cada dia que passa, me torno mais sua fã, rs. Temos algumas coisinhas em comum. E obrigada por ter permitido que eu entrasse no seu círculo de amizades.

    Beijoks


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s